terça-feira, 4 de agosto de 2020

Big Time Adolescence

Big Time Adolescense (Big Time Adolescense, EUA, 2019) – Nota 7,5
Direção – Jason Orley
Elenco – Griffin Gluck, Pete Davidson, Emily Arlook, Jon Cryer, Julia Murney, Colson Baker, Sydney Sweeney, Oona Laurence, Thomas Barbusca.

Após ser dispensado pelo namorada Kate (Emily Arlook), o jovem Zeke (Pete Davidson) de dezessete anos continua amigo do irmão dela, o garoto Monroe de apenas nove.

Seis anos depois, Monroe (Griffin Gluck) é um adolescente que tem Zeke como seu melhor amigo. Engraçado, falador e vivendo como um adolescente ao vinte e três anos, Zeke é um espécie de tutor informal de Monroe, o que irrita o pai do garoto (Jon Cryer), com medo do filho seguir o mesmo caminho irresponsável.

Esta surpreendente comédia adolescente vai além das habituais festinhas e desencontros comuns ao gênero. O filme tem cenas engraçadas, outras bobas e uma trama que segue até para um linha mais séria em alguns momentos.

O roteiro explora o desenvolvimento adolescente através dos exemplos das pessoas com quem ele convive, a questão da aceitação por um grupo e a difícil transição para vida adulta. Destaque para a atuação de Pete Davidson, que protagoniza também o recente "O Rei de Staten Island".

A melancólica sequência final deixa claro que para alguns é quase impossível abandonar a adolescência. 

Nenhum comentário: