quinta-feira, 18 de junho de 2020

A Casa dos Sonhos & Anjo Meu


A Casa dos Sonhos (Dream House, EUA / Canadá, 2011) – Nota 5
Direção – Jim Sheridan
Elenco – Daniel Craig, Rachel Weisz, Naomi Watts, Elias Koteas, Marton Csokas, Jane Alexander, Taylor Geare, Claire Geare.

Will Atenton (Daniel Craig) muda para uma casa no subúrbio de Nova York junto com a esposa Libby (Rachel Weisz) e as duas filhas pequenas. O sonho da nova casa aos poucos se transforma em pesadelo quando fatos estranhos começam a ocorrer e Will descobre que uma família foi assassinada dentro da casa cinco anos atrás. A forma como os vizinhos olham para a família de Will também o incomoda, até que uma surpresa ainda pior vem à tona. 

Este suspense foi uma grande bola fora na carreira do diretor irlandês Jim Sheridan (“Meu Pé Esquerdo” e “Em Nome do Pai”). A primeira parte passa a impressão de que estamos vendo um suspense que pode ser sobre um psicopata ou até algo sobrenatural. A reviravolta absurda no meio da trama joga toda credibilidade no lixo. A surpresa em si, sua explicação e a motivação para os crimes beiram o ridículo. O filme ainda ganha alguns pontinhos pelas razoáveis sequências de suspense. O resultado é uma grande perda de tempo para o espectador.

Anjo Meu (Angel of Mine, Austrália / EUA, 2019) – Nota 6,5
Direção – Kim Farrant
Elenco – Noomi Rapace, Yvonne Strahovski, Luke Evans, Richard Roxburgh, Finn Little, Annika Whiteley.

Sete anos após perder a filha, Lizzie (Noomi Rapace) está separada do marido Mike (Luke Evans) e tenta voltar a vida normal com seu filho Thomas (Finn Little). Num certo dia em uma festa de crianças, ao ver a pequena Lola (Annika Whiteley), Lizzie fica obcecada acreditando ser sua filha. Ela se aproxima dos pais da garota (Yvonne Strahovski e Richard Roxburgh) para investigar e tentar provar sua teoria. 

Grande parte da história deste longa filmado na Austrália se desenvolve como um drama com toques de suspense com uma crescente tensão baseada no desespero da protagonista. Pequenos detalhes deixam em dúvida se a personagem está somente transtornada ou se existe alguma verdade em sua loucura. A narrativa e a própria trama lembram uma produção para TV. Isso faz o filme perder alguns pontos e resultar em uma obra apenas razoável.

5 comentários:

Luiz Gomes disse...

Oi boa tarde tudo bem? Aceita um seguirmos o blog do outro? Podemos fazer parceria entre os nossos blogs. https://viagenspelobrasilerio.blogspot.com/?m=1

Liliane de Paula disse...

Parece que "A casa do sonhos" já está na minha lista.
Tem um enredo interessante que não sei se na vida real, aconteceria.

Anjo meu também tem um história interessante.
Vou anotar.
Bjs,

Hugo disse...

Luiz - Estou linkando seu blog aqui.

Liliane - A Casa dos Sonhos tem uma uma história bem maluca.

Abraço

Luli Ap. disse...

Puxa nunca pensei que o diretor de Meu pé esquerdo e Em nome do pai pudesse realizar um filme tão aquém de seu talento :(
Confesso que tinha me interessado por essa coisa de suspense/sobrenatural mas depois da sua resenha vou passar.
Anjo Meu vou levar a indicação.
Fiquei curiosa se a protagonista está fora da caixinha ou se há realidade na sua loucura 0_0

Bjs Luli
https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

Hugo disse...

Luli - A Casa dos Sonhos deixa bastante a desejar.

Bjs