quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Bingo - O Rei das Manhãs

Bingo – O Rei das Manhãs (Brasil, 2017) – Nota 8
Direção – Daniel Rezende
Elenco – Vladimir Brichta, Leandra Leal, Augusto Madeira, Ana Lúcia Torre, Tainá Muller, Cauã Martins, Pedro Bial, Emanuelle Araújo.

No início dos anos oitenta, o ator Augusto Mendes (Vladimir Brichta) sofre com a falta de oportunidades na tv. Famoso como ator de pornochanchadas nos anos setenta, o gênero havia chegado ao fim. 

O destino faz com que ele tenha chance de disputar o papel do palhaço Bingo, que seria o apresentador de um programa infantil. Ele consegue o papel e dá início a uma carreira curta e marcante, que inclui brigas de bastidores, drogas, sexo e várias loucuras. 

Inspirado na vida do ator Arlindo Barreto, que por alguns anos interpretou o palhaço Bozo na tv e que após um turbulento período de vida conseguiu se reerguer, este longa é além da biografia, também um retrato das bastidores da tv brasileira nos anos oitenta. 

Arlindo leva a público sua história há mais de vinte e cinco anos, quando se converteu evangélico e passou a fazer shows em igrejas, sempre vestido de palhaço. 

Esta adaptação para o cinema ganha muitos pontos pela interpretação de Vladimir Brichta, que dá um verdadeiro show tanto vestido de palhaço, como nas sequências à paisana ao mostrar arrogância, confiança em si mesmo e amor pela mãe (Ana Lúcia Torre). 

Vale destacar ainda Augusto Madeira como o câmera parceiro do protagonista nas loucuras e Emanuelle Araújo totalmente à vontade no papel da cantora Gretchen. 

2 comentários:

Marília Tasso disse...

Quero muito ver, gosto do Vladimir Brichta desde que assisti "Coleção Invisível", ele merecia um personagem grandioso! Está tendo muitos comentários positivos, mas não atraiu muito o público para o cinema.

Hugo disse...

Marília - Gostei bastante do filme e da interpretação de Brichta. Vale a sessão.

Abraço