sexta-feira, 29 de junho de 2018

Operação Chromite

Operação Chromite (In-Cheon Sang-Ryuk Jak-Jeon, Coreia do Sul, 2016) – Nota 7
Direção – John H. Lee
Elenco – Liam Neesom, Jung Jae Lee, Beom Su Lee, Jon Gries.

Em meados de 1950, a Coreia está em guerra. O exército do norte apoiado pela China e pela União Soviética avança pelo país. 

Para evitar que o país seja dominado pelos comunistas, os EUA entram na guerra, mas precisam desembarcar suas tropas. O General Douglas MacArthur (Liam Neesom) coloca em ação um arriscado plano batizado como “Operação Chromite”. 

Uma equipe de espiões liderada por Jang Hajk Soo (Jung Jae Lee) é enviada para se infiltrar no exército comunista e descobrir os locais exatos em que minas marinhas foram colocadas para impedir que navios cheguem próximos da terra firme. 

Inspirado na história real que mudou os rumos da Guerra da Coreia, esta produção sul-coreana segue o estilo dos blockbusters americanos. Diferente de outras produções daquele país que carregam traços dos costumes locais, este longa foca totalmente na ação, com heróis patriotas e um vilão quase psicopata. A produção caprichada é outro ponto positivo. 

Por outro lado, a história é repleta de clichês, com cortes rápidos e música grandiosa que lembram os filmes de Michael Bay, mas numa proporção menor. 

É basicamente um filme pipoca baseado numa história real.

2 comentários:

Luli Ap disse...

Acho que nunca vi o Liam Neeson numa obra como militar, sempre como agente e em filmes de ação.
Apesar dos clichês acho interessante essa pegada coreana e o fato de ser baseado em fatos.
Vou anotar aqui.
Bjs Luli

Hugo disse...

Luli - Não chega a ser tão bom como os filmes policiais e de suspense sul-coreanos, mas mesmo assim é um interessante passatempo.

Bjs