quarta-feira, 4 de abril de 2018

Esta é a Sua Morte

Esta é a Sua Morte (This Is Your Death ou The Show, EUA, 2017) – Nota 6,5
Direção – Giancarlo Esposito
Elenco – Josh Duhamel, Giancarlo Esposito, Famke Janssen, Caitlin Fitzgerald, Sarah Wayne Callies, Chris Ellis, Lucia Walters, Garry Chalk.

Adam Rogers (Josh Duhamel) é um apresentador canastrão de reality show que fica abalado após uma participante assassinar ao vivo o protagonista de um destes programas. 

Aproveitando a comoção pela tragédia e o desabafo de Adam durante uma entrevista, a diretora de programação do canal (Famke Jansen) apresenta a ideia de um novo reality, em que o participante concorde em cometer suicídio ao vivo em troca de algo, como dinheiro para a família por exemplo. 

Adam aceita o projeto acreditando a princípio que iria ajudar pessoas desesperadas. Em paralelo, a trama segue a dura vida de Mason Washington (Giancarlo Esposito), que tenta sustentar a família com dois empregos ruins e que sofre ao ser pressionado pela esposa (Lucia Walters). 

Dirigido pelo ator Giancarlo Esposito, este longa foca em dois pontos extremamente atuais. A febre dos reality shows que há mais de vinte anos exploram o que de pior existe no ser humano para conseguir audiência e as consequências da crise econômica que atingiu os Estados Unidos em 2008. 

O absurdo reality proposto no longa é um exagero, mas também um exemplo de como muitas pessoas adoram “consumir” uma tragédia. A desgraça alheia sempre rende boa audiência. 

A narrativa do pobre sujeito tentando sobreviver é semelhante ao que ocorre com um número gigantesco de pessoas em nosso país. A partir de uma certa idade as pessoas se tornam descartáveis para a sociedade. 

Infelizmente as boas ideias acabam se perdendo no exagero do programa e na parte final quando as situações se transformam em crises pessoais e a história termina de forma abrupta.

5 comentários:

Liliane de Paula disse...

É verdade é que as pessoas gostam de espiar a vida dos outros
Não sei se aprendem com isso.

E é verdade que as pessoas depois de uma certa idade são descartadas.

Tive vontade de vê o filme.
O ator-diretor, não conheço.

Liliane de Paula disse...

O filme " A vida em Espera" tem na NET mas ainda precisa pagar.
Vou esperar que ele fique free.

Hugo disse...

Liliane - A premissa de "A Vida em Espera" é interessante, mas o filme um pouco cansativo. Vale a pena esperar para assistir de graça.

Luli Ap disse...

Olá Hugo
Que diferente esse plot.
Uma mistura interessante de reality com consequências da crise econômica.
Tão triste esses programas que exploram as tragédias humanas e sempre tem tão alta audiência :/
Fiquei curiosa quero assistir
Bjs Luli
https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

Hugo disse...

Luli - O roteiro utiliza como base este tipo de programa que explora tragédias.

A ideia é bem interessante, o filme apenas razoável.

Bjos