terça-feira, 11 de dezembro de 2018

A Irmandade da Guerra

A Irmandade da Guerra (Taegukgi Hwinalrimyeo, Coreia do Sul, 2004) – Nota 8
Direção – Je Gyu Kang
Elenco – Dong Gun Jang, Won Bin, Eun Ju Lee, Hyeong Jin Kong, Yeorang Ran Lee.

Coreia do Sul, 1950. Quando o exército norte-coreano invade o país, a vida dos irmãos Jin Tae (Dong Gun Jang) e Jin Seok (Won Bin) se transforma em um inferno. Eles são afastados da família, obrigados a entrar para o exército sul-coreano e jogados diretamente numa guerra sangrenta. 

Jin Tae é um engraxate que sonhava em ter uma loja de sapatos, enquanto Jin Seok se preparava para entrar na universidade. Em meio a loucura da guerra, eles precisam lutar para manter a vida e a amizade. 

Este violentíssimo épico de guerra lembra obras hollywoodianas como “O Resgate do Soldado Ryan” e “Até o Último Homem”. São sequências e mais sequências de batalhas sangrentas intercaladas por discussões e sentimentalismo. Este último item é um pouco exagerado, porém algo comum nas produções asiáticas.

É um filme para o espectador que gosta de ação do início ao fim.

4 comentários:

Liliane de Paula disse...

"O resgate do soldado Ryan" e "Até o último homem", baseado em fatos reais, são mesmo extremamente violentos.
Não quero vê outra coisa assim.

Hugo disse...

Liliane - Este filme que comentei segue o mesmo estilo.

Luli Ap disse...

Gostei de Até o último homem então acho que vou gostar desse tb.
Já anotei aqui.

Hugo disse...

Luli - É um filme com muita ação e violência. Ótima opção para quem gosta do estilo.

Bjs