quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Ano 2000 - Corrida da Morte

Filme Assistido nº 126
Ano 2000 – Corrida da Morte (Death Race 2000, EUA, 1975) – Nota 6
Direção – Paul Bartel
Elenco – David Carradine, Simone Griffeth, Sylvester Stallone, Mary Woronov, Roberta Collins, Martin Kove, John Landis.

Este filme de produzido pelo mestre do baixo orçamento Roger Corman, tem na direção o falecido Paul Bartel que ficaria mais conhecido nos anos oitenta com a comédias de humor negro “Tudo Por Dinheiro” e “Luta de Classes em Beverly Hills”.

A trama deste filme se passa no ano 2000 e gira em torno de um corrida pelos EUA onde o vencedor não será apenas o carro que chegar em primeiro, mas aquele que também marcar mais pontos pelo caminho, com um detalhe, os pontos são marcados para cada atropelamento feito pelo piloto, com maior valor para idosos e crianças.

Esta ficcção com história mórbida e de humor negro fez algum sucesso na época, tendo como astros David Carradine que era famoso pela série de tv “Kung Fu” e um Stallone antes da fama de “Rocky”, além da bela mais fraca atriz Simone Griffeth e da parceira de Bartel em vários filmes, Mary Woronov.

Duas curiosidades, a triste é que Bartel faleceu em 2000, o mesmo ano em que se passa a história deste filme e a outra é que o diretor Paul W. S. Anderson (“Mortal Kombat”) refilmou este ano a história com Jason Statham no papel principal.

7 comentários:

Wally disse...

Não acho que me agradaria muito pelo seus comentários. E, pior ainda, será refilmado pelo tolo Paul W.S. Anderson...

Ciao!

Cecilia Barroso disse...

Eu assisti há muito tempo e lembro que não gostei muito. Achei a história meio bizarra.
Vi o trailer do novo e acho que vai ser ainda pior. Mas tem o Statham, pelo menos.

THIAGO PAULO disse...

Cra não sabia que Death Racer desse anoa, é uma refilmegem desse filme. Será que é legal?!
Eu não conhecia Ano 2000, pelo menos eu acho. Por que algo me diz que já assisti elee.

Abraços..

Kau Oliveira disse...

Gosto muito de humor negro. E também acho interessante histórias bizarras! o/

Abraços.

Hugo disse...

Wally - O original não é grande coisa, mas apesar de tudo ainda acho que Paul W. S. Anderson fez alguns bons filmes como "Mortal Kombat" e "O Enigma do Horizonte".

Cecília - Também vi o trailer da refilmagen e não tive boa impressão.

Thiago - Pode ser que vc já tenha visto o original, ele passou diversas vezes na tv aberta.

Kau - Se você gosta de humor negro, pode assistir qualquer outro filme de Paul Bartel.

Johnny Strangelove disse...

Ele tem seus pontos positivos ... mas é uma obra dificil de digerir ... Mas gostei de ver Stallone não conhecendo a Lei Maria da Penha e mete sarrafo na negada ... ejejeje

Igor disse...

O filme é violência gratuita pura. Ele é nostalgico p mim, pois assisti quando era muito criança. Mas não dá para saber, como roteiros de histórias bizarras assim chegam ao cinema... O pior é que refilmaram e pior ainda, com Jason Statham. Deve ser um podridão...