quarta-feira, 11 de abril de 2018

Waco

Waco (Waco, EUA, 2018) – Nota 8
Direção – John Erick Dowdle & Drew Dowdle
Elenco – Michael Shannon, Taylor Kitsch, Paul Sparks, Andrea Riseborough, Rory Culkin, Shea Whigham, John Leguizamo, Melissa Benoist, Julie Garner, Camryn Manheim, Glenn Fleshler, Eric Lange.

No início de 1993, a ATF, agência do governo americano responsável pelo controle de tabaco, bebidas e armas está pressionada após um terrível erro no caso conhecido como “Ruby Ridge” no ano anterior, quando um supremacista branco teve sua esposa e filho assassinados durante um confronto. 

Para tentar mostrar eficiência no trabalho e limpar o nome da agência, os chefes da ATF escolhem um novo alvo a ser investigado. Na pequena cidade de Waco no Texas, um grupo denominado Ramo Davidiano vive sob a liderança de David Koresh (Taylor Kistch), um sujeito que acredita ser um enviado de Deus. 

O que chama atenção da ATF é a compra de muitas armas por parte do grupo. Um grupo de agentes tenta entrar no rancho em busca das armas, porém um confronto se inicia, mortes acontecem e o local termina cercado pelo FBI durante cinquenta e um dias. 

Esta minissérie em seis episódios é baseada em dois livros sobre a tragédia de Waco. Um deles foi escrito pelo negociador do FBI Gary Noesner, interpretado por Michael Shannon, que fez todo o possível para tentar evitar a tragédia. O segundo livro é de autoria de David Thibodeau, papel de Rory Culkin, que viveu com o grupo de Koresh e foi um dos sobreviventes. 

A minissérie acerta em cheio ao detalhar os eventos de uma forma sóbria e principalmente humanizar os envolvidos. Koresh era um maluco que tinha várias esposas, mais de dez filhos, proibia os seguidores de fazer sexo e esperava uma espécie de apocalipse. 

Uma das acusações a Koresh era sobre abuso sexual de crianças, o que nunca foi provado. A minissérie deixa claro que ele tinha esposas menores de idade, porém a lei do Texas na época autorizava o casamento a partir do catorze anos. 

Existem várias versões sobre o que realmente ocorreu. A única certeza é que uma sucessão de erros e absurdos levaram à tragédia.   

4 comentários:

Liliane de Paula disse...

Fiquei confusa com sua postagem.
Só conheço John Leguizamo.
Não conheço e história.

Hugo disse...

Liliane - A história foi muito divulgada nos anos noventa.

Luli Ap disse...

Olá Hugo
Essa é uma das séries mais esperadas para esse ano, eu já estava curiosa para assistir e fiquei com mais vontade ainda depois da sua resenha e nota 8!
Bjs Luli
https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

Hugo disse...

Luli - Gostei bastante da forma como são retratados e humanizados os personagens.

Bjos