terça-feira, 29 de maio de 2012

Atores Estranhos

O cinema todos os anos apresenta novos candidatos a astros e estrelas em que a beleza está muito acima do talento. Este tipo de ator ou atriz consegue bons trabalhos por pouco tempo, sendo logo deixado de lado em prol de um novo rosto bonito, porém o cinema também é local para grandes atores que não tem beleza alguma. Steve Buscemi, John Malkovich, John Turturro, Sean Penn e Christopher Walken são grandes exemplos que se firmaram pelo talento.

Nesta postagem vou um pouco além, cito oito atores realmente estranhos. A maioria não chegou a ser astro, mas são todos rostos (estranhos) conhecidos dos cinéfilos, que fizeram carreira principalmente em papéis de coadjuvantes.

Vincent Schiavelli será eternamente lembrado pelo papel do fantasma do metrô de "Ghost". Seus olhos caídos e sua voz estranha foram fundamentais para papéis de maluco ou vilão, como em "Um Estranho no Ninho" e "Batman - O Retorno", entre diversos outros papéis no cinema e em seriados de tv. Diferente de sua figura assustadora, Schiavelli era especialista em artes, apreciador de óperas e vinhos. Faleceu em 2005.

Professor Toru Tanaka
Este havaiano gigante estreou no cinema lutando contra Chuck Norris em "Olho por Olho". Depois sempre interpretando o vilão que não falava, trabalhou em filmes como "The Running Man - O Sobrevivente" com Schwarzenegger, "Braddock II" novamente com Norris e comédias como "Três Ninjas" e "O Último Grande Herói". Faleceu em 2000.

Danny Trejo é um caso único no cinema. Chegou a ser preso na juventude e já na faixa dos quarenta anos conseguiu pequenos papéis de bandido em diversos filmes policiais e de ação. Sua carreira cresceu quando Robert Rodriguez deu um papel interessante em "A Balada do Pistoleiro". A partir daí Trejo não parou mais. Conseguindo papéis cada vez maiores e Robert Rodriguez quase sempre o escalando em seus filmes, sua figura se tornou cult, culminando em "Machete", seu primeiro filme como protagonista em 2010.


O sul africano Zakes Mokae ficou conhecido ao interpretar um feiticeiro haitiano em "A Maldição dos Mortos Vivos" de Wes Craven. Ele tinha uma carreira em seu país e havia participado da minissérie "Raízes" que fez algum sucesso no início dos anos oitenta. Após o filme de Craven, Mokae trabalhou em longas como "Uma Vampiro no Brooklin" e "O Colecionador de Almas" e outros de crítica social sobre a África, como "Um Grito de Liberdade" e "Assassinato Sob Custódia". Seu último papel de destaque foi na série "Oz - A Vida é uma Prisão". Faleceu em 1999.

Michael J. Pollard tinha apenas pequenos papéis na tv quando foi escalado para "Bonnie & Clyde - Uma Rajada de Balas". O sucesso do filme fez sua figura estranha de voz anasalada ficar conhecida. Durante toda a carreira interpretou o esquisito, algumas vezes em comédias como "Roxanne" e outras em filmes de ação como "Tango & Cash - Os Vingadores".


O ruivo Courtney Gans era figura conhecida como coadjuvante em comédias nos anos oitenta. Ele trabalhou em "Admiradora Secreta", "Namorada de Aluguel" e "Meus Vizinhos São um Terror". Seu melhor papel foi no ótimo "Memphis Belle - Fortaleza Voadora" em 1990. Hoje sua carreira se resume a coadjuvante em seriados e filmes B.

O comediante inglês Terry-Thomas ficou conhecido por seus dentes separados e por interpretar vilões ao estilo Dick Vigarista. Thomas trabalhou no clássico "Deu a Louca no Mundo" ao lado dos maiores comediantes da época, no engraçado "Os Perigos de Paulina" e em três comédias deliciosas sobre corridas, verdadeiros clássicos da sessão da tarde: Os imperdíveis "Esses Homens Maravilhosos e Suas Máquinas Voadoras", "Aqueles Fantásticos Loucos Voadores" e "Esses Intrépidos Homens e Seus Calhambeques Maravilhosos". Faleceu em 1990.

Muitos podem perguntar, quem é Al Leong? Pelo nome poucas pessoas conhecem, porém o cinéfilo fã dos filmes de ação com certeza reconhecerá a figura. Um dos atores que mais morreu nas telas, teve sua principal cena da carreira ao torturar Mel Gibson em "Máquina Mortífera". Al trabalhou ainda em "Os Aventureiros do Bairro Proibido", "Duro de Matar", "Chuva Negra", "Um Tira Pesada III", "Fuga de Los Angeles" e a série "24 Horas", entre diversos outros papéis. Belo currículo para um desconhecido.

11 comentários:

Bússola do Terror disse...

Acho que o personagem mais famoso da carreira do Vincent Schiavelli foi o Fantasma do Metrô, de Ghost.
Mas é interessante lembrar que o cinema europeu nunca teve tanto preconceito contra a feiúra quanto o cinema norte-americano. Se você der uma olhada nos filmes franceses, principalmente, tem cada canhão...rsrsrs
Mas nem por isso deixam de ter valor como atores, é claro.

john albert disse...

belo artigo hugo do afim de fazer um blog de reviews de filmes,mas não sei o que fazer acho que não vi tantos filmes assim,mas sempre quis fazer um e falar dos meus filmes que eu mais gosto

! Marcelo Cândido ! disse...

Danny Trejo se deu bem em Machete!
Quem veria ele beijando Jessica Alba?
hahaha

Gilberto Carlos disse...

Realmente são atores muito estranhos. Dos citados o meu preferido é Danny Trejo.

ANTONIO NAHUD JÚNIOR disse...

realmente é uma lista bizarra... faltou o bud cort de "ensina-me a viver" e o ron perlman de "guerra do fogo"...


O Falcão Maltês

Hugo disse...

Bússola - Com certeza, cinema europeu está repleto de atores estranhos.

John - Crie um blog e escreva sobre os filmes que assistiu. A troca de experiências com outros blogueiros e ótima.

Marcelo - Danny Trejo conseguiu algo que poucos tiveram chance...rs

Gilberto - Danny Trejo é o mais conhecido.

Antonio - Duas boas lembranças, que com certeza caberiam na lista.

Abraço

Gonga disse...

Muito bom este artigo

disse...

Sabe que alguns atores estranhos acabam até fazendo personagens carismáticos?
Dos famosos atuais, sem dúvida John Malkovich é um dos menos belos e mais talentosos, com feições que bem lembram uma cobra :)
Abraços!

Hugo disse...

Gonga - Valeu.

Lê - São vários exemplos, eu procurei citar alguns menos conhecidos.

Abraço

Nandita disse...

Esse Vicente Schiavelli me lembra um pouco o brasileiro Bemvindo Siqueira. E eu não acho o Courtney Gains feio,de jeito algum. Ele tem seu charme,é atraente,chama a atenção. Tem o tipo de beleza que alguns chamam de "exótica". Gosto é gosto.

Hugo disse...

Nandita - Boa comparação, Schiavelli lembrava o Benvindo Siqueira.

Valeu pela visita ao blog.