quinta-feira, 11 de julho de 2019

O Homem que Odiava as Mulheres

O Homem que Odiava as Mulheres (The Boston Strangler, EUA, 1968) – Nota 6,5
Direção – Richard Fleischer
Elenco – Tony Curtis, Henry Fonda, George Kennedy, Mike Kellin, Hurd Hatfield, Murray Hamilton, Jeff Corey, Sally Kellerman.

Boston, início dos anos sessenta. Várias mulheres de diferentes idades são encontradas estranguladas em suas residências. Sem sinais de arrombamento, a polícia acredita que as vítimas conheciam o assassino. 

Para acalmar a população, o governador indica um advogado (Henry Fonda) para ser o porta-voz do caso e também comandar a força-tarefa que investiga os crimes. 

Baseado na história de Albert De Salvo, que ficou conhecido como “O Estrangulador de Boston”, este longa peca em algumas escolhas e principalmente no formato que envelheceu bastante. 

A primeira hora é a mais interessante, com a polícia seguindo pistas através de um narrativa que foca na investigação e também com o diretor Richard Fleischer utilizando a criatividade e dividindo a tela em duas ou até três imagens simultâneas. 

Quando o assassino vivido por Tony Curtis entra em cena na hora final, o longa desce a ladeira ao abordar a questão da sanidade do sujeito ao estilo de uma drama psicológico raso. 

Consta que o roteiro modificou muitas situações e amenizou bastante a verdadeira personalidade do assassino, provavelmente para adequá-la com a imagem do então galã Tony Curtis. 

É uma história forte que merecia um nova versão para o cinema.

Um comentário:

Luli Ap. disse...

Talvez o filme tenha ficado datado.
Uma pena pois o mote parece interessante.
Provavelmente se seguisse a linha investigativa seria mais instigante do que sacar a velha fórmula da sanidade mental :/