segunda-feira, 4 de fevereiro de 2019

Green Book: O Guia

Green Book: O Guia (Green Book, EUA, 2018) – Nota 8
Direção – Peter Farrelly
Elenco – Viggo Mortensen, Mahershala Ali, Linda Cardellini, Sebastian Maniscalco, Dimiter D. Marinov, Mike Hatton, Don Stark.

Nova York, 1962. Tony “Lip” Vallelonga (Viggo Mortensen) trabalha como chefe de segurança na famosa boate Copacabana. Quando o local fecha as portas por algum tempo para reforma, Tony recebe a proposta para trabalhar como motorista do famoso pianista Dr. Don Shirley (Mahershala Ali). 

O problema é que o músico fará uma turnê pelo sul dos EUA, local onde os negros ainda eram tratados com grande preconceito. Deixando de lado seus próprios preconceitos e precisando de dinheiro, Tony aceita a proposta para ser uma mistura de motorista e segurança. É o início de uma inusitada amizade. 

Especialista em comédias escrachadas, o diretor Peter Farrelly consegue de forma surpreendente achar o tom certo para contar esta história real sem abusar das piadas infames ou cair na armadilha do vitimismo tão comum na atualidade. 

O roteiro escrito pelo também cineasta Nick Vallelonga, filho do personagem real Tony Vallelonga, mostra que o preconceito existe em todas as classes sociais e etnias. O personagem vivido por Mahershala Ali é tratado com desprezo pelos negros que o vêem como alguém que quer ser branco e por outro lado os brancos aceitam o pianista apenas por causa de seu talento. 

O personagem bruto de Viggo Mortensen acaba se mostrando muito mais realista e humano do que parecia a princípio. O filme ganha pontos também por mostrar como a amizade derruba barreiras. 

O resultado é um sensível longa com uma abordagem sóbria para um tema extremamente complicado.

4 comentários:

Marília Tasso disse...

Tá na lista, em breve assisto, tô curiosa!

Liliane de Paula disse...

Acabei de ler uma resenha sobre esse filme, Hugo e que parece está concorrendo a Oscar.
E anotei para vê.
E Linda Cardellini ?

Anotei também "Vice".

Vc assistiu "Roma", o maravilhoso "Roma"?

Luli Ap disse...

Olá Hugo
Assisti esse final de semana esse filme e gostei muito.
Achei a princípio que fosse tipo Conduzindo Miss Daisy só que com os papéis invertidos, lá o motorista é negro, aqui é branco, mas me surpreendi pela boa condução da película.
Não sabia que Green Book é a relação dos locais onde os negros podiam circular na época.
Achei que fosse algo ecológico, roteiro turístico mesmo.
Viggo Mortensen é surpreendentemente eclético.
Merecidamente nota 8!
Bjs Luli
https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

Hugo disse...

Marília - Você vai gostar.

Liliane - Ele está concorrendo ao Oscar e Linda Cardellini interpreta a esposa de Viggo Mortensen.

Luli - Eu também não sabia o significado do "Green Book" até ver o filme.

Bjs