sábado, 6 de outubro de 2018

Ventos da Liberdade

Ventos da Liberdade (The Wind That Shakes the Barley, Irlanda / Inglaterra / Alemanha / Itália / França / Bélgica / Suíça / Holanda, 2006) – Nota 7,5
Direção – Ken Loach
Elenco – Cillian Murphy, Padraic Delaney, Liam Cunningham, Orla Fitzgerald.

Interior da Irlanda, 1920. Um grupo de irlandeses defensores da separação do país em relação a Inglaterra luta contra soldados ingleses que patrulham a região e humilham os moradores locais. 

Enquanto estes jovens morrem e também matam em busca da independência, os líderes do IRA (Exército Republicano Irlandês) negociam um acordo com o governo inglês. 

Por mais que o diretor inglês Ken Loach flerte com o socialismo em seus filmes, não se pode deixar de elogiar seu talento para contar histórias fortes sobre temas universais. 

A proposta aqui é mostrar como o que seria o final da guerra entre irlandeses e ingleses se tornou um conflito ainda maior quando o acordo assinado desagradou metade dos irlandeses, dando início a uma disputa entre separatistas e unionistas. 

É interessante citar que Loach mostra aqui os excessos e absurdos dos dois lados do conflito. O ódio dos ingleses que consideravam os irlandeses inferiores e também a forma como os separatistas respondiam com violência e até mesmo assassinavam amigos que de alguma forma fossem considerados traidores. 

É um filme forte sobre como o ódio transforma o ser humano em um animal irracional.

3 comentários:

Luli Ap disse...

Gosto muito do Cillian Murphy.
Acho a temática interessante, acho que o primeiro filme que assisti com o tema IRA foi "Em nome do pai" para um trabalho no colégio.
Triste realidade a dos excessos e violência :(
Vou levar a indicação.
Bjs Luli
https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

Rodrigo Mendes disse...

Na lista. Aprecio o trabalho do diretor ("Eu, Daniel Blake" uma obra-prima) e do protagonista (principalmente por "Extermínio" e "Café da Manhã em Plutão").

O filme é bem vindo ao cenário que estamos vivendo hoje no Brasil politicamente.

Abraço.

Voltei com o especial de Filme de Terror no blog...passa lá!

Valeu.

Hugo disse...

Luli - Tem vários bons filmes sobre IRA. São sempre filmes polêmicos e violentos.

Rodrigo - O meu favorito de Ken Leach é "Eu, Danie Blake".

Abraço