sábado, 20 de outubro de 2018

Batalha Incerta

Batalha Incerta (In Dubious Battle, EUA, 2016) – Nota 6,5
Direção – James Franco
Elenco – James Franco, Nat Wolff, Vincent D’Onofrio, Selena Gomez, Ahna O’Reilly, Analeigh Tipton, Robert Duvall, Ed Harris, John Savage, Sam Shepard, Josh Hutcherson, Jack Kehler, Scott Haze.

Em meados dos anos trinta, durante a chamada Depressão Americana, os ativistas Mac (James Franco) e Jim (Nat Wolff) se infiltram entre trabalhadores que colhem maçãs com objetivo de agitar uma greve. 

Os trabalhadores, incluindo crianças e idosos, são explorados pelo dono da fazenda (Robert Duvall) que oferece um dólar por dia, descontando ainda o valor de alimentação e moradia. Não demora para a greve explodir, criando um violento cabo de guerra entre empregados e os capangas do patrão. 

Baseado em um livro de John Steinbeck, que por sinal se inspirou nas disputas reais que ocorreram no país na época, este longa detalha como as lideranças dos dois lados dos conflitos defendiam seus interesses, enquantos os trabalhadores eram apenas massa de manobra. 

O ativista veterano e manipulador vivido por James Franco usa de todos os artifícios para colocar os trabalhadores ao seu lado, enquanto o novato interpretado por Nat Wolff aos poucos é dominado pelo “vírus” da ideologia acima das pessoas. É interessante que a forma como os trabalhadores são manipulados continua a mesma nos dias atuais. 

O filme não apresenta surpresas e ainda perde alguns pontos pela decisão do personagem de James Franco no final.

7 comentários:

Rodrigo Mendes disse...

Como ator ele acerta em alguns projetos, mas como diretor ainda carece de identidade, ao menos para mim fica esta impressão. James Franco, creio, acertou somente com Artista do Desastre (2017). Ele é um jovem com muita fome, assume vários projetos ao mesmo tempo e muitos sem credibilidade. Por exemplo, o documentário Interior. Leather Bar. (2013), um filme muito ruim que refaz os 40 minutos perdidos de "Parceiros da Noite" (1980 - dir.: por William Friedkin estrelado por Al Pacino) como ponto de partida para uma exploração mais ampla da liberdade sexual e criativa.

Abraço.

Pedrita disse...

eu gostei bastante desse filme. ótimo elenco. só podiam ter deixado selena gomez em casa. beijos, pedrita https://mataharie007.blogspot.com/2018/05/uma-batalha-incerta.html

Hugo disse...

Rodrigo - Concordo. A carreira de James Franco está muito irregular por causa da grande quantidade de projetos que ele se envolve.

Pedrita - Selena Gomez é bem fraquinha realmente.

Abraço

Liliane de Paula disse...

Me interessa pela história se passar na época de Depressão Americana que não conheço as causas mas já vi filmes sobre os efeitos.
James Franco não sou muito fã.
Mas o restante do elenco, vale a pena.
Vai para minha lista de filmes indicados por vc.

Dessa época da Depressão Americana, tem o ótimo filme de Sydney Pollack "A noite dos desesperados" com Jane Fonda.
Vc conhece o filme?

Hugo disse...

Liliane - Eu vi faz bastante tempo "A Noite dos Desesperados".

Luli Ap disse...

Apesar de não haver grandes surpresas a temática me interessou e levo a indicação.
Bjs Luli

Hugo disse...

Luli - A temática é o ponto principal.

Bjs