segunda-feira, 6 de junho de 2016

Por Um Sentido na Vida

Por um Sentido na Vida (The Good Girl, EUA / Alemanha / Holanda, 2002) – Nota 7
Direção – Miguel Arteta
Elenco – Jennifer Aniston, Jake Gyllenhaal, John C. Reilly, Tim Blake Nelson, Zooey Deschanel, John Carrol Lynch, Mike White, Deborah Rush.

Justine (Jennifer Aniston) passa por uma forte crise existencial. Vivendo em uma pequena cidade do Texas, desanimada com o trabalho em um mercado e arrependida de estar casada com o pintor de casas Phil (John C. Reilly), Justine vê a chance de mudar de vida quando se envolve com um novo funcionário do local, o jovem Holden (Jake Gyllenhaal). 

Apesar da diferença de idade, a atração é mútua e os dois iniciam um caso. Os problemas surgem pela dificuldade em esconder um affair numa cidade pequena, além de Holden ser um sujeito instável e solitário. 

A atriz Jennifer Aniston estava no auge do sucesso de “Friends” quando se aventurou neste drama independente que lhe valeu elogios da crítica e alguns prêmios. A personagem da atriz é a típica mulher do interior americano que desistiu do estudo para se casar e que após alguns anos sente que jogou sua vida na lata de lixo. 

Diferente de filmes em que a força de vontade é o ponto principal, aqui vemos o contrário, a protagonista sofre pela falta de coragem em encarar uma mudança, preferindo mentir e se esconder, o que afeta também a vida das pessoas ao seu redor. 

É um drama interessante, que foca nos desejos e nas frustrações de pessoas comuns.

3 comentários:

Liliane de Paula disse...

Já faz tempo que vi esse filme.
Acho que nem tinha Netflix por aqui.
Gostei muito.

Gustavo H. Razera disse...

Não vi, mas lembro de elogios surpresos a Aniston na época.

Cumps.

Hugo disse...

Liliane - Eu tb gostei.

Gustavo - Ela teve muitos elogios na época. Realmente foi uma surpresa, todos a viam como a espevita Rachel.

Abraço