segunda-feira, 19 de março de 2012

Um Conto Chinês

Um Conto Chinês (Um Cuento Chino, Argentina / Espanha, 2011) – Nota 7,5
Direção – Sebastian Borensztein
Elenco – Ricardo Darin, Ignacio Huang, Muriel Santa Ana.

Roberto (Ricardo Darin) é um frustrado solteirão de meia-idade, dono de uma pequena loja de ferragens na periferia de Buenos Aires. Sempre mal humorado, Roberto não consegue nem mesmo aceitar o amor de Mari (Muriel Santa Ana), que tenta a todo custo se aproximar do sujeito. 

A vida de Roberto começa a mudar quando por um acaso ele vê um chinês (Ignacio Huang) sendo jogado de um taxi. O jovem chinês não fala uma palavra em espanhol e tem apenas tatuado no braço um endereço. Roberto resolve tentar ajudar o jovem, mas uma série de imprevistos faz com que os dois tenham de conviver por algum tempo, virando de cabeça para baixo o mundo do metódico Roberto. 

Esta sensível história escrita pelo próprio diretor Sebastian Borensztein, utilizou como ponto de partida uma notícia verdadeira e completamente maluca, que explica a cena inicial e que é mostrada nos créditos finais através de uma reportagem onde o próprio apresentador do jornal fica incrédulo com o que acabou de noticiar. 

O gancho da notícia resultou numa trama em que dois personagens sofredores se cruzam e acabam se ajudando, mesmo que não entendam palavra alguma do que outro está falando. O ótimo Ricardo Darin novamente tem uma bela interpretação, muito bem coadjuvado pelo desconhecido Ignacio Huang. 

No geral é um filme simples que mistura muito bem humor com drama, para contar uma história que toca em temas como diferenças culturais, mudanças inesperadas e traumas que precisam ser superados.

6 comentários:

Amanda Aouad disse...

Um filme simples mesmo, mas que me encantou. E como você disse, Ricardo Darin está ótimo como sempre.

bjs

Ricardo disse...

Oi sou Ricardo do Blog Of terror: http://www.ofterror.com.br.tc/ estou seguindo seu Blog, se curti o meu por favor segue de volta OK.

Rodrigo Mendes disse...

Eu achei um filme sensacional. Darin é ótimo, mas acho que ele esteve particularmente mais notável em Abutres. O último filme que assisti no extinto cinema Belas Artes de SP!

Abraço.

Hugo disse...

Amanda - É um belo filme feito com simplicidade.

Ricardo - Valeu pela visita, estou linkando seu endereço aqui no blog.

Rodrigo - Darin é um grande ator e "Abutres" é um filme bem mais pesado e também de ótima qualidade.

Abraço a todos

Alysson Mello disse...

Quero muito ver, eu adorei o trailer

Hugo disse...

Alysson - Assista, tenho é ótimo drama com pitadas de comédia.

Abraço