sábado, 3 de março de 2012

Os Cowboys de Leningrado Vão à América & Os Cowboys de Leningrado Encontram Moisés


Os Cowboys de Leningrado Vão à América (Leningrad Cowboys Go America, Finlândia / Suécia, 1989) – Nota 7
Direção – Aki Kaurismaki
Elenco – Matti Pellonpaa, Kari Vaananen, Jim Jarmusch.

Vladimir (Matti Pellonpaa) é um empresário picareta de uma banda que vive numa pequena aldeia na Sibéria. Rejeitados por um produtor russo, Vladimir resolve levar o grupo para os Estados Unidos. Em Nova York, utilizando o nome de “Cowboys de Leningrado”, com todos os integrantes usando um exagerado penteado estilo “rockabilly”, o grupo tenta a sorte num clube vagabundo, mas acabam sendo despedidos. Mesmo assim, eles recebem uma proposta para tocar num casamento no México. 

Este é o início de um road movie onde o grupo de músicos russos atravessará os Estados Unidos cruzando com figuras estranhas, tocando em lugares simples e sempre tentando adaptar as músicas ao estilo do local em que estão. Além disso, um sujeito mudo (Kari Vaananen) persegue os músicos querendo fazer parte do grupo. 

Esta simpática comédia fez sucesso no circuito alternativo na época, em virtude do estilo diferente do diretor finlandês Aki Kaurismaki, dos engraçados números musicais e da mistura de nacionalidades. O filme é dirigido e estrelado por finlandenses, que interpretam personagens russos, viajam pelos Estados Unidos e terminam no México. 

A curiosidade é a pequena participação do diretor Jim Jarmusch como um vendedor de carros. Dois anos depois, Jarmusch trabalharia com os atores Matti Pellonpaa e Kari Vaananen no episódio do taxi em Helsinque, no seu longa “Uma Noite Sobre a Terra”. 

Os Cowboys de Leningrado Encontram Moisés (Leningrad Cowboys Meet Moses, Finlândia / Alemanha / França, 1994) – Nota 6
Direção – Aki Kaurismaki
Elenco – Matti Pellonpaa, Kari Vaananen, André Wilms.

Esta sequência se passa cinco anos após o original, quando os “Cowboys de Leningrado” estão vivendo no México quase como mariachis. Eles recebem um convite para encontrar um sujeito que deseja contratá-los para um show, sem saber que o homem é o antigo empresário Vladimir (Matti Pellonpaa), que diz ter renascido e agora se chama Moisés. Manipulando os que sobraram do grupo, ele diz que está preparado para levá-los de volta à Terra Prometida, ou seja, de volta para Sibéria. 

Desta vez o road movie fará o sentido contrário, eles voltam pela Europa e atravessam países como França, Polônia e Alemanha antes de chegar a Rússia, sempre tentando tocar as músicas típicas de cada país com seu estilo inconfundível. 

O roteiro ainda mostra o maluco Vladimir, ou melhor, Moisés, roubando o nariz da Estátua da Liberdade, fazendo com que um agente do FBI (André Wilms) persiga o grupo. 

Mesmo sem a originalidade do primeiro filme, a sessão vale novamente pelos estranhos números musicais em quantidade maior e as curiosas paisagens do interior dos países que eles atravessam. 

O roteiro ainda brinca com a questão da religião, tirando um sarro da história de Moisés e a Terra Prometida.  

3 comentários:

Luís disse...

Fiquei muito interessado em conhecer esses filmes, dos quais eu ainda não tinha ouvido falar.
Coloquei-os na minha lista de filmes para ver.

Marcelo disse...

Fala Hugo

Aqui é o Marcelo do Fridencult bora trocar banners e links? Vejo que tem uma boa coleção de dvds, podemos fazer umas trocas tb. Abraço

http://fridencult.blogspot.com

Hugo disse...

Luís - São filmes legais, bem diferentes.

Marcelo - Estou linkando seu endereço no blog e podemos trocar dvds. Pode entrar em contato pelo blog ou e-mail.

Abraço