domingo, 19 de fevereiro de 2012

Entrevista & Romance e Cigarros


Steve Buscemi e John Turturro são talentosos atores da mesma geração. Os dois apareceram no final dos anos oitenta em papéis coadjuvantes e logo se tornaram figuras carimbadas no cinema. A carreira da dupla tem várias semelhanças além da geração: Os dois tem origem italiana, mesmo longe de serem galãs, são carismáticos e intercalam papéis em filmes sérios, produções europeias e comédias pastelão com Adam Sandler. 

Esta falta de medo de encarar todo tipo de papel levou a dupla a enfrentar o desafio atrás das câmeras. Turturro dirigiu quatro filmes, sendo "Mac" o que conseguiu melhores críticas. Já Buscemi treinou a direção em episódios de "Oz - A Vida É uma Prisão" e "A Família Soprano", até dirigir o razoável "O Solitário Jim".

Nesta postagem comento dois filmes dirigidos por estes atores, que apesar de não serem trabalhos ruins, ficam abaixo do que se poderia esperar em comparação ao talento da dupla na frente das câmeras.

Entrevista (Interview, EUA, 2007) – Nota 6,5
Direção – Steve Buscemi
Elenco – Steve Buscemi, Sienna Miller, Michael Buscemi, Tara Elders, MusMs.

Um jornalista especializado em política (Steve Buscemi) é escalado para entrevistar uma fútil atriz de seriados de tv (Sienna Miller). Enquanto ele vai para entrevista por obrigação e sem preparação alguma, pois gostaria de estar em Washington cobrindo uma crise política, a atriz chega muita atrasada e não se conforma com a atitude do jornalista. 

Este é o início de uma noite de revelações e disputas entre dois personagens manipuladores e egocêntricos com personalidades problemáticas. Enquanto o jornalista é irônico, a atriz é falsa até a médula e nunca sabemos quem está sendo sincero nesta catarse de emoções que afloram nos diálogos afiados. 

Não é um grande filme, na verdade é praticamente um teatro filmado, mas que tem como destaque as interpretações da dupla principal, que segura o longa que se passa em grande parte num único cenário, o apartamento da atriz.

Romance e Cigarros (Romance & Cigarettes, EUA, 2005) – Nota 6
Direção – John Turturro
Elenco – James Gandolfini, Susan Sarandon, Kate Winslet, Steve Buscemi, Mary Louise Parker, Mandy Moore, Aida Turturro, Bobby Cannavale, Christopher Walken, Barbara Sukowa, Elaine Stritch, Eddie Izzard.

Nick Murder (James Gandolfini) está casado há muitos anos com Kitty (Susan Sarandon), que com quem tem três filhas e uma relação desgastada, que piora quando ela descobre que Nick tem um caso com Tula (Kate Winslet), um vendedora vulgar e desbocada. A partir daí, Nick fica dividido em viver com a amante ou se reconciliar com a esposa. 

A história parece comum a diversos dramas familiares, porém o enfoque utilizado pelo ator John Turturro em seu terceiro trabalho atrás das câmeras é mesclar drama, musical e até humor negro. Esta mistura de estilos gera um filme irregular, com cenas e personagens exagerados, além de falhas na passagem do tempo. 

As cenas musicais são estranhas, tendo como mais interessante a participação de Christopher Walken, que faz o primo de Kitty metido a valentão. Walken especialista em vilões e personagens estranhos, faz com que suas cenas de dança sejam no mínimo curiosas, mas somente isso não vale a sessão.

4 comentários:

Luís disse...

Faz muito tempo que eu estou esperando para ver "Romances e Cigarros", embora tenha o filme comigo, não sei porque não o vi ainda.

Hugo disse...

Luís - Eu esperava mais deste filme.

Abraço

Alysson Mello disse...

Eu achei bem fraquinho o romance de cigarros confesso que só assisti por causas das lindas: Kate wislet e Mandy moore curto muito o trabalho delas., parabéns pelo blog ele tá show!

Hugo disse...

Alysson - Obrigado pelo elogio.

Realmente o filme só vale pela beleza das atrizes, nada mais.

Abraço