quinta-feira, 8 de setembro de 2011

007 Contra o Homem com a Pistola de Ouro


007 Contra o Homem com a Pistola de Ouro (The Man wiht the Golden Gun, Inglaterra, 1974) – Nota 7
Direção – Guy Hamilton
Elenco – Roger Moore, Christopher Lee, Britt Ekland, Maud Adams, Hervé Villechaize, Clifton James, Soon Teck Oh, Bernard Lee, Lois Maxwell, Desmond Llewellyn.

O quartel general do serviço secreto britânico recebe uma bala de ouro com a inscrição 007. Logo acreditam ser uma ameaça de Scaramanga (Christopher Lee), um assassino de aluguel que cobra um milhão de dólares por serviço e vive numa ilha isolada. 

James Bond (Roger Moore) resolve investigar por conta própria e antes de chegar ao vilão passa por Beirute, Macau, Hong Kong e Bangcok. Em paralelo, o anão Nick Nack (Hervé Villechaize, o Tatu do seriado “A Ilha da Fantasia”) rouba um importante dispositivo que produz células de energia a mando de Scaramanga. 

Com o sucesso na estréia de Roger Moore como Bond em “007 Viva e Deixe Morrer”, os produtores realizaram rapidamente este segundo filme que é considerado por muitos como um dos mais fracos da série. 

Como sou fã da série gosto do filme. Considero um trabalho menor, mas mesmo assim é uma boa aventura que se não tem grandes cenas de ação como o longa anterior, apresenta dois vilões carismáticos, o veterano Christopher Lee que ainda está na ativa aos 89 anos e o falecido anão Hervé Villechaize, que ficaria famoso anos depois com o seriado de tv. 

4 comentários:

ANTONIO NAHUD JÚNIOR disse...

Amigo, venha participar do novo QUIZ!
Abraços,

O Falcão Maltês

Ana disse...

Eu sou apaixonada pelos filmes do James Bond, independente de ser sucesso de bilheteria ou não.
Eu assisti esse e curti demaaais! Depois de Sean Connery como 007, Roger Moore é meu segundo Bond favorito!
Ótimo post.
Bjs ;)

Hugo disse...

Antonio - Valeu pelo convite, irei participar.

Ana - Também gosto muito da série, sempre divertida e cheia de ação.

Abraços

O Narrador Subjectivo disse...

Devo admitir que é o meu preferido com o Roger Moore. No entanto prefiro também a fase de Sean Connery :)