terça-feira, 17 de maio de 2011

O Espião


O Espião (Fifty Dead Men Walking, Inglaterra / Canadá, 2008) – Nota 7,5
Direção – Kari Skogland
Elenco – Jim Sturgess, Ben Kingsley, Kevin Zegers, Natalie Press, Rose McGowan, Tom Collins, William Houston.

Em 1988 a Irlanda do Norte sofria há vinte anos com o confrontos entre o exército inglês e o IRA (Exército Republicano Irlandês), um grupo protestante que deseja a todo custo a separação do país do Reino Unido através de atentados terroristas. 

Neste contexto, o jovem católico Martin (Jim Sturgess) trabalha vendendo produtos roubados e acaba se tornando alvo do serviço secreto inglês, por parte do agente Fergus (Ben Kingsley). Fergus arma a prisão de Martin e oferece a ele um trabalho como espião, já que o jovem tinha contato com pessoas ligadas ao IRA. A princípio Martin não aceita, porém um violento fato muda sua opinião e faz com que ele comece a espionar o grupo, que está repleto de sujeitos conhecidos de Martin, inclusive seu melhor amigo Sean (Kevin Zegers). 

O longa é baseado numa história real de um sujeito que ainda hoje vive escondido, mesmo após o acordo de paz entre protestantes e católicos assinado em 2007, com a criação de um governo de coalisão. 

A história é tensa em diversos momentos, não defendendo lado algum, com o roteiro mostrando que as autoridades inglesas não respeitavam os direitos dos irlandeses e por outro lado o IRA é apresentado como um grupo terrorista que atacava tanto ingleses, com os próprios irlandeses que fossem contra a causa. 

O relacionamento criado entre os personagens de Jim Sturgess e Ben Kingsley chega a ser quase de pai e filho, dando força a história. 

Apesar de algumas cenas que parecem terem sido criadas para aumentar a tensão, o filme vale uma conferida.

4 comentários:

Celo Silva disse...

filme interessante mesmo

Alan Raspante disse...

Este é um daqueles filmes que sempre tenho vontade em conferir, mas fico um pé atrás sabe? Bom saber que é assistível!!

Rafael W. disse...

Bom filme.

http://cinelupinha.blogspot.com/

Hugo disse...

Celo - É um abordagem interessante de um tema explosiva, baseado numa história real.

Alan - Vale a locação.

Rafael - Bom filme mesmo.

Abraço a todos