terça-feira, 24 de agosto de 2010

A Estrada


A Estrada (The Road, EUA, 2009) – Nota 7
Direção – John Hillcoat
Elenco – Viggo Mortensen, Kodi Smit McPhee, Robert Duvall, Charlize Theron, Guy Pearce, Molly Parker, Michael Kenneth Willians, Garrett Dillahunt.

Num mundo pós-apocalíptico, pai e filho (Viggo Mortensen e Kodi Smit McPhee) viajam pelas estradas em direção a costa, no sul do país, em busca de encontrar outros sobreviventes e fugir do frio. Durante a viagem eles precisam se defender de gangues que praticam o canibalismo, além de desconfiar de qualquer pessoa que apareça pelo caminho. Ao mesmo tempo o espectador é apresentando ao passado através das lembranças e da narração do pai, começando no dia do ataque nuclear quando sua esposa (Charlize Theron) ainda estava grávida, passando pelo desespero desta e culminando no início da jornada de pai e filho. 

Apesar das cenas violentas e do tema canibalismo, o filme é na realidade um drama forte, que se apóia na relação de amor entre pai e filho, mostrando como o pai tenta fazer de tudo para manter o garoto vivo e o ensina a como sobreviver num mundo como aquele. 

Fica a impressão de que os acontecimentos do filme são o que mais próximo chegaria perto da realidade caso acontecesse um conflito nuclear, com uma sensação de destruição e falta de esperança durante todo o longa. 

Além da boa interpretação de Viggo, vale destacar a pequena mais importante participação de Robert Duvall como um idoso sobrevivente debaixo de muita maquiagam, mas com diálogos extremamente interessantes e emotivos. 

8 comentários:

thicarvalho disse...

Concordo plenamente com tudo q vc escreveu Hugo. Só discordo da nota. Achei um dos melhores filmes do ano, sem dúvida alguma. Uma obra tocante e realista. Grande abraço.

Marcio Melo disse...

Gostei muito deste filme, para quem não curte o gênero, pode até parecer um pouco arrastado e monótono.

Nekas disse...

Acho que merecia mais do que lhe dás, aliás, o filme é alusivo ao apocalipse mas também desperta valores emocionais.

Abraço
Cinema as my World

Hugo disse...

Thiago - A nota até poderia ser melhor mesmo.

Marcio - O ritmo realmente atrapalha um pouco, mas a história é bem contada.

Nekas - O tema é o apocalipse mostrada mais como drama do que ficção.

Abraço a todos

Rodrigo Mendes disse...

Temas discursivo. O filme até que segura um pouco.

Abs!
Rodrigo

Hugo disse...

Rodrigo - É um filme lento em alguns momentos.

Abraço

Roberto F. A. Simões disse...

A ESTRADA impõe-se como um filme para nos repensarmos a nós próprios, ao nosso planeta e à nossa humanidade. Belíssima fotografia e performances, pedia-se mais apenas da parte do realizador.

Cumps.
Roberto Simões
» CINEROAD - A Estrada do Cinema «

Hugo disse...

Roberto - Concordo, com um diretor mais talentoso poderia ter rendido um grande filme.

Abraço