segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Conta Comigo


Conta Comigo (Stand By Me, EUA, 1986) – Nota 8
Direção – Rob Reiner
Elenco – Will Wheaton, River Phoenix, Corey Feldman, Jerry O'Connell, Richard Dreyfuss, Kiefer Sutherland, Casey Siemaszko, John Cusack, Bradley Gregg, Marshall Bell, Frances Lee McCain.

Hoje o ator River Phoenix faria quarenta anos se estivesse vivo. Extremamente talentoso, quem sabe poderia ser até melhor que o irmão Joaquin, River fez poucos mas ótimos papéis na curta carreira, chegando até a concorrer ao Oscar de Ator Coadjuvante pelo "O Preço de um Passado". Como lembrança resolvi escrever sobre este ótimo filme, repleto de jovens atores que ficariam conhecidos. 

O escritor Gordie Lachance (Richard Dreyfuss) relembra uma incrível passagem de sua vida, quando aos treze anos em 1959, ele (vivido por Will Wheaton) junto com seus amigos Chris (River Phoenix), Teddy (Corey Feldman) e Vern (Jerry O’Connell) vivem numa pequena cidade do Oregon e resolvem sair pela floresta para procurar um garoto que havia sumido há alguns dias, indo se deparar com diversos desafios que colocarão a prova sentimentos como amizade, medo e lealdade. 

Este ótimo filme é baseado num livro parcialmente autobiográfico de Stephen King, na época já chamado de mestre do terror e ao mesmo tempo acusado pela crítica de não saber escrever sobre outro gênero. Aqui ele mostra talento e sensibilidade para contar um ritual de passagem de quatro garotos, no caso o pequeno Gordie seria o próprio King em sua infância. 

Outro grande destaque é o elenco, o quarteto principal fez fama quando jovem. Além de Phoneix que se foi, hoje Jerry O’Connell, que emagreceu bem, continua participando de filmes no cinema, enquanto o protagonista Will Wheaton trabalha com pequenos em séries de TV,  além de dublagens e Corey Feldman que era o mais famoso na época, se recuperou das drogas mas não conseguiu retomar a carreira. O destaque hoje são dos coadjuvantes na época, Kiefer Sutherland que faz o vilão e John Cusackque faz  um garoto de seu bando. Resumindo, é um belo e sensível filme que merece ser conhecido pela nova geração.

6 comentários:

Amanda Aouad disse...

Um belo exemplo da força da amizade. Gosto muito desse filme.

Pedro Henrique disse...

Pô, legal tu falar do Rob Reiner, pois estou fazendo um artigo sobre ele! Gosto de Conta Comigo!

Hugo disse...

Amanda - É um dos melhores filmes sobre o tema, com certeza.

Pedro - Rob Reiner tem bons filmes, não tem tanta fama, mas é competente.

Abraço

Mateus Souza disse...

Ah, clássico da Sessão da Tarde. Passei tardes de minha vida vendo filmes como esse, Caça-Fantasmas, Curtindo a Vida Adoidado. Foi uma boa educação, haha.

Rodrigo Mendes disse...

Belíssimo. Adoro a dublagem original da BKS, rs!

Que coisa apenas o Jerry O'Connell, ter continuado no cinema com mais destaque.

Abs!
Rodrigo

Hugo disse...

Mateus - Ótimos filmes, que marcaram época.

Rodrigo - Acredito que se estivesse vivo River Phoenix seria um grande astro, mas não teve tempo para isso.

Abraço