sexta-feira, 26 de março de 2010

O Vigarista do Ano

O Vigarista do Ano (The Hoax, EUA, 2006) – Nota 7
Direção – Lasse Hallstrom
Elenco – Richard Gere, Alfred Molina, Marcia Gay Harden, Hope Davis, Julie Delpy, Stanley Tucci, Eli Wallach, Zeljko Ivanek, John Bedford Lloyd.

Em 1971 o escritor Clifford Irving (Richard Gere) negocia a publicação de seu segundo livro, porém Andrea (Hope Davis) seu contato na editora não consegue a aprovação do projeto. Frustrado e ao mesmo tempo extremamente ambicioso, Clifford diz para Andrea que está escrevendo um novo livro, que seria a obra do século, tentando impressioná-la, mas sem ter a mínima idéia do que escrever. Ele se junta ao amigo pesquisador e também escritor Dick Suskind (Alfred Molina) e a esposa Edith (Marcia Gay Harden) para tentar pensar em algum tema impactante, até ter o estalo de escrever sobre bilionário Howard Hughes, que vive recluso e não dá uma entrevista há mais de doze anos. Clifford apresenta a idéia na editora dizendo que teve um contato Hughes e este o autorizou a escrever sua biografia, porém alega que Hughes quer manter sigilo e apenas atenderá ao escritor.

Esta mentira é o início de um filme baseado numa maluca história real, onde o escritor Clifford utilizando dos mais absurdos argumentos e da excentricidade em cima do mito de Howard Hughes, levou a mentira ao extremo para conseguir fama e dinheiro, com ajuda do amigo Dick e de sua esposa. A realização é interessante em relação a história maluca ser real e apesar de várias pessoas envolvidas a mentira acabou indo longe demais.

Um ponto que não gostei foram algumas cenas na segunda parte do filme onde o personagem de Gere começa a ficar paranóico com a lenda de que Howard Hughes tinha uma espécie de serviço secreto pessoal, mas o restante do longa é agradável e curioso.

2 comentários:

Nekas disse...

Um filme bastante subvalorizado!

Abraço
Cinema as my World

Hugo disse...

Nekas - A história é bem curiosa.

Abraço