domingo, 17 de maio de 2009

A Históra Sem Fim - A Trilogia

A História Sem Fim (The Neverending Story, EUA / Alemanha, 1984) – Nota 7,5
Direção – Wolfgang Petersen
Elenco – Noah Hathaway, Barret Oliver, Gerald McRaney, Patricia Hayes, Deep Roy, Moses Gunn, Tami Stronach.

A História Sem Fim II (The Neverending Story II: The Next Chapter, EUA, 1990) – Nota 6
Direção – George Miller
Elenco – Jonathan Brandis, Kenny Morrison, Clarissa Burt, John Wesley Shipp.

A História Sem Fim III (The Neverending Story III, EUA, 1994) – Nota 4
Direção – Peter MacDonald
Elenco – Jason James Richter, Melody Kay, Jack Black, Freddie Jones.

O garoto Bastian (Barret Oliver) sempre que algo o entristece, como a recente morte da mãe e as brigas na escola, fazem com que ele se refugie em sua imaginação e sonhe, até que um dia numa destas fugas ele se refugia em uma livraria e começar a ler o livro “A História Sem Fim”, onde em um reino de fantasia a imperatriz menina (Tami Stronach) está doente e caso ela morra toda aquele reino maravilhoso morrerá junto, porém apenas ele e o guerreiro Atreyu (o também garoto Noah Hathaway) poderão salva-la e ainda tendo a ajuda de algumas criatuas fantásticas.

Esta fantasia foi dirigida por Wolfgang Petersen antes deste desembarcar de vez em Hollywood e acaba encantando a todos, com suas criaturas fantásticas, efeitos especiais de primeira para época e bela história baseada num livro do alemão Michael Ende. O filme foi grande sucesso de bilheteria e rendeu duas continuações.

Nesta continuação o garoto Bastian (Jonathan Brandis) após descobrir que tem medo de mergulhar, foge novamente para a livraria do filme anterior e ao começar a ler “A História Sem Fim”, descobre que o reino de fantasia precisa novamente da sua ajuda e do guerreiro Atreyu (Kenny Morrison) para a derrotar uma feiticeira (Clarissa Burt) que deseja apagar a memória e a imaginação dos seres daquele reino.

Sem a magia do original, com os mesmos personagens intrepretados por um elenco completamente novo e tendo como diretor George Miller (não confundir com o australiano homônimo que fez “Mad Max”) um especialista em filmes para TV, o resultado final é apenas uma sessão da tarde descompromissada.

Este terceiro episódio é sem dúvida o mais fraco da série. Aqui o garoto Bastian (Jason James Richter da trilogia “Free Willy”) após ser atormentado por garotos na escola novamente se refugia no livro “A História Sem Fim”, porém o livro acaba caindo na mão de uns dos garotos que o atacaram (vivido por Jack Black, ele mesmo de “King Kong”), que começa a rabisca-lo e a criar novas histórias, o que faz com alguns seres do reino da fantasia saiam das páginas para aparecer em várias partes dos EUA, o que força Bastian a retornar para reaver o livro e salvar o reino novamente.

Provavelmente para diminuir gastos, resolveram focar a ação deste filme no nosso mundo e pouco mostrar o reino da fantasia, além disso em nada ajuda a direção pesada de Peter McDonald, que tem no currículo o trabalho de câmera e diretor de segunda unidade em vários filmes famosos, geralmente para cenas de ação e como diretor solo fez filmes como “Rambo III” com Stalllone e “Legionário” com Van Damme, ou seja, não seria o cara certo para dirigir um filme sobre fantasia.

10 comentários:

Louis Vidovix disse...

Sempre achei esses filmes meio chatinhos rsrsrs... E o menino do segundo se matou, cara! Oo

Abraço!

Daisy disse...

Adorei seu blog.
bjs

Thiago Paulo disse...

Olá, eu revi esses filmes há um tempo atrás, minha sobrinha adora eu assisti com ela. Gosto mais do primeiro.

Bom, sobre o dvd de Hotel Ruanda, eu queria comprar antes de ver, mais ai aluguei e perdi a vontade... gosto de comprar dvds que ainda não vi...
Mais valeu, fica para próxima!

Abraço!

Ciro Hamen disse...

Nossa. Esses filmes marcaram a minha infância. Adorava os dois primeiros História Sem Fim. O terceiro não cheguei a ver. Deve ser ruim mesmo.

Abraços!

Paulo [ALT] disse...

tava a procura dos dvd vendidos separados, não akele "sessão dupla" ou algo assim. mto bom, marcou sessão da tarde e cinema em casa etc.

theywatchus.blogspot.com/

O Cara da Locadora disse...

Eu só me lembro mesmo do primeiro... Li o livro, e engraçado que no livro o principal meeesmo é o Atreyo... O livro é fantástico, muito bom mesmo, o filme é clássico... :)

Hugo disse...

Louis - Não sabia que Jonathan Brandis havia se suicidado, fui até pesquisar. Há pouco tempo assisti e escrevi sobre "Cavalgando com o Diabo" de Ang Lee e Brandis era um dos coadjuvantes.

Daisy - Obrigado, visite sempre que quiser.

Thiago - Com certeza o primeiro é o melhor da série.

Ciro - O terceiro é apenas um caça-níquel.

Paulo - Realmente eu já vi este DVD duplo, agora um original apenas com este filme eu não me lembro.

Nespoli - O livro eu não li.

Abraço

altieres bruno machado junior disse...

Olá

Estou atrasado, eu sei, mas não podia deixar de comentar dessa franquia. Adoro A História sem Fim, principalmente os dois primeiros filmes. Esse filme mexeu muito com a minha imaginação : )

até mais...

Hugo disse...

Altieres - Com certeza este filme marcou a infância de muita gente.

Abraço

Amanda disse...

Realmente o primeiro é legal, gosto da premissa da imaginação, da luta contra o Nada, da menina imperatriz, essa coisa de brincar com o imaginário e mundo infantil... Os outros se perdem, aquela coisa de fazer continuação na ponga do sucesso do primeiro que nunca dão certo.