terça-feira, 7 de abril de 2009

Gente Como a Gente

Gente Como a Gente (Ordinary People, EUA, 1980) – Nota 7,5
Direção – Robert Redford
Elenco – Donald Sutherland, Mary Tyler Moore, Timothy Hutton, Elizabeth McGovern, Judd Hirsch, M. Emmet Walsh, Dinah Manoff, Fredric Lehne, James B. Sikking.

Uma família americana de classe média entra em crise quando o filho mais velho morre em um acidente, desencadeando sentimentos diferentes entre eles, sendo que a mãe (Mary Tyler Moore) se torna amarga e distante, o pai (Donald Sutherland) tenta esquecer o acontecido e procura não falar sobre o assunto e o maior problema vem com o irmão mais novo (Timothy Hutton), que se culpa pela morte do irmão e tenta o suicídio.

Este personagem por sinal é o centro da história, pois após a tentativa de suicídio ele tentará superar a crise com a ajuda de um psiquiatra (Judd Hirsch) e de uma garota que cruzará seu caminho (Elizabeth McGovern), mas mesmo assim suas atitudes mostrarão toda a fragilidade de sua família.

Este filme ganhou quatro Prêmios Oscar, entre eles o de Melhor Diretor para Robert Redford em sua estréia atrás das câmeras e de Melhor Ator Coadjuvante para o surpreendente Timothy Hutton, na época com apenas vinte anos de idade.

É um drama pesado porém realista, que mostra como uma tragédia pode desmontar uma família.

6 comentários:

Kamila disse...

Sempre tive muita curiosidade para conferir este filme, até mesmo por causa dos Oscars que conquistou. Mas, ainda não consegui fazer isso. Porém, espero fazer isto em breve! :-)

THIAGO PAULO disse...

Adoro drama familiar... ente eu não conhecia. estou querendo ver filmes mais antigos, assim, como este. O último que vi foi As Pontes de Medison....Muito bom!

Abraços Hugo!

Airton disse...

opaa
nunk vi esse filme cara...
parece triste hehe

http://publicandobr.blogspot.com/2009/04/mcdonalds-em-o-dia-em-que-terra-parou.html

Roberto F. A. Simões disse...

Também nunca vi... talvez um dia se cruze no meu caminho!

HUGO, o debate continua activo no
CINEROAD, sobre o filme ALEXANDRE, O GRANDE!

Cumps.

Roberto F. A. Simões
CINEROAD

Hugo disse...

Kamila - É um filme antigo mas ainda interessante.

Thiago - Como você gosta do gênero este filme é uma boa pedida.

Airton - Sim é um drama um pouco pesado.

Roberto - Se você gosta do gênero, procure assistir.

cicero disse...

Esse é um grande filme,um drama famíliar muito bem construido,dirido e interpretado.A vida é meio pesada,na maioria das vêzes.