domingo, 8 de março de 2009

Krull & Fúria de Titãs

Krull (Krull, Inglaterra, 1983) – Nota 6
Direção – Peter Yates
Elenco – Ken Marshall, Lysette Anthony, Freddie Jones, Francesca Annis, Liam Neeson.

Fúria de Titãs (Clash of the Titans, Inglaterra, 1981) – Nota 7
Direção – Desmond Davis
Elenco – Laurence Olivier, Harry Hamlin, Judi Bowker, Burgess Meredith, Maggie Smith, Ursula Andress, Claire Bloom, Jack Guillin, Susan Fleetwood, Sian Phillips, Flora Robson, Tim Pigott Smith.

Estas duas obras são fantasias rodadas na Inglaterra nos anos oitenta e que fizeram algum sucesso. Sem serem clássicos, tem como trunfos o mesmo tema: Um homem enfrentando um jornada de perigos num mundo cheio de criaturas e monstros para resgatar sua amada e também os bons efeitos efeitos especiais para época, ainda baseados em miniaturas e stop-motion, porém as vezes mais interessantes que a overdose de cenas feitas em computador de muitos filmes atuais.

A tram de "Krull" se passa num planeta indeterminado, onde a paz será selada através do casamento entre os filhos de duas famílias reais, o príncipe Colwyn (Ken Marshall) e a princesa Lissa (Lysette Anthony), porém no momento da celebração o reino é invadido e a princesa é sequestrada para servir de esposa a um monstro chamado “A Fera”. Durante o sequestro as duas famílias são assassinadas, sobrevivendo apenas o príncipe que sai em busca da noiva, mas terá de enfrentar muitos perigos pelo caminho.

Fantasia com bons efeitos especiais e boas cenas de aventura, porém protagonizada por uma dupla principal fraca e uma direção um tanto perdida de Peter Yates, que por sinal dirige a única ficção em sua carreira.

Já "Fúria de Titãs" é uma aventura baseada na lenda de Perseus da Mitologia Grega e tem como grande trunfo os efeitos especiais do grande Ray Harryhausen, que desde a década de cinqüenta criou efeitos para diversos filmes de aventura e ficção, desenvolvendo criaturas e monstros muito antes dos computadores fazerem este trabalho.

O filme conta a história de Perseus (Harry Hamlin) filho mortal do Deus Grego Zeus (o grande Laurence Olivier), que precisa salvar sua amada a princesa Andrômeda (Judi Bowker) das mãos do monstro Kraken, porém para isso vai precisar enfrentar muitos desafios, além de ter de matar a maligna Medusa, com a ajuda de alguns corajosos companheiros.

O resultado é uma fantasia agradável que fez algum sucesso na época, sendo melhor ainda para quem gosta de mitologia grega. É interessante comparar os efeitos especiais da época com os atuais, além do mais o longa está sendo refilmado e será lançado em 2010.

4 comentários:

Sérgio Déda disse...

Parecem ser interessantes, mas nunca tive muita vontade em conferi-las, embora estas já sendo recomendadas antes...

Abraços!

O Cara da Locadora disse...

Eu vi o Fúria dos Titãs, clássico do Cinema em Casa, tenho até o DVD aqui em casa, rs. Mas seguinte, o filme é mal feito (foi lançado pouquissimo tempo antes do independente Star Wars e tem efeitos visuais absurdamente ruins) além de "adaptar" demais as lendas gregas, mas eu gosto, rs... Tem algo sobre ele no meu blog, se quiser ler depois...

Adherbal ENCE disse...

Assisti aos dois. O Krull eu vi no cinema, na época com meu pai e meu irmão. Deveria ter uns 08 ou 09 anos! Me lembro de sair do cinema muito animado! Para mim na época foi um filmaço, que me acompanhou na adolescencia em reprises da tv aberta. Merecia uma refilmagem!!!!
O Fúria de Titas eu assisti pela tv aberta várias vezes ao longo da minha infância! Me lembro de ficar de boca aberta com os efeitos especias (que hj seriam mais defeitos especiais). São filmes interessantes, e que povoou a imaginação de toda uma geração de criançãs e semi-adolescentes!

dino carvalho disse...

alguem me pode dizr onde encontrar o download de os titãs e krull gostava de ter os filmes