sábado, 10 de janeiro de 2009

A Luta pela Esperança

A Luta pela Esperança (Cinderella Man, EUA, 2005) – Nota 8
Direção – Ron Howard
Elenco – Russell Crowe, Renée Zellweger, Paul Giamatti, Craig Bierko, Paddy Considine, Bruce McGill.

Em 1929 o lutador de box Jim Braddock (Russell Crowe) estava em ascensão, invicto e ganhando muito dinheiro vê sua vida desmoronar após a Quebra da Bolsa de Nova Iorque. Em seguida a história pula para 1933 quando o lutador, sua esposa (Renée Zellweger) e seus filhos estão vivendo em um porão quase passando fome e sua carreira praticamente acabada.

Tudo muda quando seu ex-treinador (Paul Giamatti) o convida para uma luta única como substituto e Jim vê como sua oportunidade de ganhar um dinheiro e encerrar sua carreira dignamente, porém ele surpreendentemente vence a luta e renasce para o boxe.

Este bom drama sobre superação é baseado em história real e chama a atenção por contar a história de um homem que praticamente estava acabado e consegue se levantar, tornando-se um exemplo e uma esperança para milhares de pessoas que sofriam com o desemprego, a recessão e a fome naquela época.

As boas atuações do trio central, a mensagem de perseverança e as ótimas cenas de luta, principalmente a luta final que mostra toda a violência deste esporte e a angústia dos familiares e amigos, valem o filme.

7 comentários:

Sérgio Déda disse...

Ótimo filme e sensível e tocante no momento certo.. não gostei de algumas coisas, principalmente do roteiro, mas é um filme bom.

Wally disse...

Um filme que nos levanta. Adoro, apesar do formato acadêmico. As atuações são ótimas e o visual, maravilhoso.

Nota 8.5

Ciao!

Roberto F. A. Simões disse...

Cinderella Man é um filme que prova que não é preciso ser megalómano seja no que for para se conseguir um obra de alto nível e de muito bom gosto. Eu cá, guardo as minhas reservas quanto a adjectivos da moda como «académico».

Roberto F. A. Simões
cineroad.blogspot.com

Kau disse...

Hugo, acho Ron Haward bem qualquer coisa. O único filme dele que gosto é Uma Mente Brilhante. Permita-me discordar de sua nota, pois acho A Luta Pela Esperança horrível... só vale pela excelente atuação de Paul Giamatti.

Abraços.

Hugo disse...

Sérgio - O roteiro é certinho demais, mesmo o filme o filme emociona.

Wally - Concordo, grandes atuações e ótima reconstituição de época.

Roberto - O filme tem uma boa história e emociona, o "acadêmico" citado pelo Wally eu entendo como sendo aquele tipo de filme que tudo se acerta no final, ponto a ponto. Sabemos que a vida real não é bem assim. Isso não diminui o valor do filme.

Kau - Aqui é um espaço democrático, não se preocupe.

Abraços

O Cara da Locadora disse...

É um filme que emociona, e tem como obejtivo isso mesmo... Hm, o filme não é baseado em fatos reais? Portanto, se as coisas se acertaram é pq elas se acertaram na vida real, rs... Apelei ;)

Abraços...

Hugo disse...

Cara da Locadora - Bela análise...rs

Abraço