domingo, 21 de dezembro de 2008

Faca de Dois Gumes & Como Nascem os Anjos

Faca de Dois Gumes (Brasil, 1989) – Nota 6
Direção – Murilo Salles
Elenco – Paulo José, Marieta Severo, José de Abreu, Flávio Galvão, Ursula Canto, Paulo Goulart, José Lewgoy, Fernando Peixoto, Pedro Vasconcelos.

Como Nascem os Anjos (Brasil, 1996) – Nota 7,5
Direção – Murilo Salles
Elenco – Larry Pine, Priscila Assum, Silvio Guindane, Ryan Massey, André Mattos, Antônio Grassi, Enrique Diaz.

O diretor Murilo Salles fez estes dois dramas policiais que são parecidos apenas no gênero, mas tocam em temas bem diferentes, enquanto um foca em traição e vingança, o outro é uma crítica sobre os problemas sociais de nosso país.

Em "Faca de Dois Gumes", o advogado Jorge Bragança (Paulo José) descobre que sua mulher Vera Lúcia (Ursula Canto) o está traindo com seu melhor amigo, que também é seu sócio (Flávio Galvão). Inteligente e cego pela sede de vingança, arma um plano que parecia perfeito, porém a pressão do delegado Fontana (José de Abreu) que acredita ter sido um crime passional e a ameaça de desconhecidos que tinham ligação com seus sócio e acabam seqüestrando seu filho, levam o advogado a um beco sem saída.

Baseado num conto de Fernando Sabino, a história é a mesma de vários filmes do gênero, começando bem com um clima de suspense durante a execução da vingança, mas que acaba ficando confusa da metade para o final e perde um pouco de sua força. Ainda assim é um filme razoável feito numa época em que o cinema brasileiro estava em baixa.

Já "Como Nascem os Anjos" tem início quando o ignorante Maguila (André Mattos) mata por acidente o chefão do tráfico em um morro do Rio de Janeiro e na fuga leva a garota Branquinha (Priscila Assum) que diz ser sua esposa e o garoto Japa (Silvio Guindane). Chegando em um bairro de classe alta, Maguila precisa usar o banheiro e pede para um homem que está saindo de casa, o americano William (Larry Pine), porém o estrangeiro assustado pensando ser um assalto pede socorro a seu motorista que inicia um tiroteio que termina na morte do mesmo, fazendo com que todos entrem para a mansão e se inicie um seqüestro por acaso.

Este é apenas o início de um drama que aumenta a tensão com a chegada da polícia e os bandidos, se é que podemos chamar Maguila e as duas de crianças desse nome, que apenas querem sair dali e tocar suas vidas, mas sabem que isso será quase impossível.

O filme toca em temas comuns na nossa sociedade como violência, preconceito, falta de perspectivas e a grande diferença social, tudo isso misturado num caldeirão pode gerar situações limites, como a que é mostrada neste bom drama.

5 comentários:

Kau disse...

Como Nascem os Anjos eu vi. Achei a idéia bem forte e boa, mas por vários momentos Murilo peca com certos exageros. Também não sou grande fã do elenco... um 6,5 é de bom tamanho.

Abraços!

Hugo disse...

Kau - Os filmes de Murilo Salles são irregulares, alternando bons momentos com outros menos criativos.

Abraço

Sérgio Déda disse...

Possui uma temática interessante, mas nunca cheguei a ver este filme...

Hugo disse...

Sérgio - "Como Nascem os Anjos" vale a pena ser conferido.

Abraço

Wally disse...

Este Como Nascem os Anjos ouvi falar e li até uma análise universitária dele. Fiquei curioso.

Ciao!